header top bar

section content

Albergado pagava ‘dublê’ para cumprir pena no seu lugar há quase dois meses na região de Cajazeiras

O diretor da Cadeia Pública recebeu uma denúncia informando que um homem estaria cumprindo pena no lugar de outro.

Por Priscila Belmont

08/08/2017 às 17h42 • atualizado em 08/08/2017 às 18h06


No último final de semana, um fato curioso foi registrado na cidade de São João do Rio do Peixe, na região de Cajazeiras no Sertão do estado.

O apenado, foi condenado a prisão em regime aberto, e deveria dormir nos finais de semana na cadeia, mas não cumpriu nenhum dia da sua pena.  De acordo com a promotora Flávia Cesarino, o apenado pagava a quantia de R$50,00 por semana para o seu comparsa, e fazia essa troca há cerca de 2 meses. Para que a polícia não desconfiasse, eles usavam um RG falso.

O diretor da Cadeia Pública daquela cidade recebeu uma denúncia anônima de que um preso estaria usando um ‘dublê’ para cumprir pena em seu lugar. Segundo informações da Polícia Militar, o comparsa foi preso em flagrante, quando se apresentou para cumprir a pena no lugar do amigo.

Lindolfo Fernandes, advogado do albergado disse os motivos do jovem ter contratado um dublê para cumprir sua pena: “Ele não foi cumprir a pena em razão de ter um inimigo muito forte lá dentro da cadeia, e ele poderia sofrer alguma lesão contra a sua vida”.

O Ministério Público irá abrir inquérito para apurar a responsabilidade da direção e dos agentes da cadeia neste caso.

DIÁRIO DO SERTÃO

DE 22 A 27 DE JANEIRO

VÍDEO: Teatro Ica completa 34 anos em Cajazeiras com extensa e diversificada programação cultural

DE 2017 PARA ESTE ANO

VÍDEO: São José de Piranhas tem aumento alarmante de homicídios em 2018; confira balanço da PM na região

VIXE!

VÍDEO: Vidente detalha futuro da imprensa de Cajazeiras e prevê mortes: “Não chega às festas juninas”

É DO SERTÃO!

Cantores mirins do Vale do Piancó estão fazendo sucesso e bombando em vários estados brasileiros