header top bar

section content

VÍDEO: Presos do Presídio Regional de Cajazeiras se capacitam em curso profissionalizante do SEST-SENAT

De acordo com o diretor da unidade prisional, Tales Almeida, a cada 12 horas de estudos em cursos profissionalizantes o apenado reduz um dia da sua pena

Por José Dias Neto

14/11/2020 às 15h03 • atualizado em 14/11/2020 às 15h34

O Presídio Regional de Cajazeiras tem investido em ações de reinserção social de pessoas privadas de liberdade e de egressos do Sistema Prisional. Nesta sexta-feira (13), a unidade em parceria com o SEST – Serviço Social do Transporte e SENAT – Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte de Cajazeiras, ofereceram cursos profissionalizantes para os apenados.

De acordo com o diretor do presídio, Tales Almeida, os apenados receberam certificados que facilitarão a retomada do convívio social. Ao todo, 23 apenados participaram do curso profissionalizante para o mercado de trabalho.

VEJA MAIS:

Mulher é presa em flagrante tentando entrar com ‘sabonete de cocaína’ no Presídio Regional de Cajazeiras

Homem suspeito de diversos crimes é encontrado morto em Presídio Padrão de Cajazeiras

“Outros cursos serão ofertados na unidade, a gente já conversou com o juiz da execução penal que apoia esta iniciativa destinando penas pecuniárias para o mantimento do curso. Então já temos em mente realizar mais cinco cursos profissionalizantes. Esse curso já dá noção do que eles vão encontrar quando saírem da unidade’’, disse Almeida.

Apenados do Presídio Regional de Cajazeiras participam de cursos profissionalizante. Foto: Ângelo Lima

O diretor do SEST-SENAT de Cajazeiras, Marcelo Virgulino disse que a parceria com o presídio tem rendido bons frutos.

“Nosso intuito é socializar. A gente vê com bons olhos essa parceria de poder inserir no mercado de trabalho as pessoas que estão prestes à voltar ao convívio da sociedade. Nós temos cursos de todas a horas e vários tipos, esse em parceria com o presídio são no formato web-aula’’, disse o representante do SEST-SENAT.

Representantes do SEST-SENAT e o Presídio Regional de Cajazeiras. Foto: Ângelo Lima

Os apenados que concluem o curso profissionalizante são beneficiados com a redução da pena. Para o diretor da unidade prisional o benefício é automático.

“A cada curso a gente tem várias remições de pena. Através do curso, a cada 12 horas de estudos ele vai diminuir um dia da pena’’, finalizou.

DIÁRIO DO SERTÃO

'DEUS TÁ NA FRENTE'

VÍDEO: Dra. Paula pede orações após Zé Aldemir ser transferido para hospital Sírio Libanês em São Paulo

BAIXOU O NÍVEL

VÍDEO: Durante sessão da Câmara, vereador manda colega ‘enfiar a língua naquele canto’, em cidade da PB

PRESENTE MELHOR NÃO HÁ

VÍDEO EMOCIONANTE: Jovem da região de Cajazeiras que estava intubada em hospital de João Pessoa, acorda um dia antes do aniversário

DISCORDÂNCIA

VÍDEO: Vereador de Ipaumirim relata mudanças em PL que trata sobre alienação de prédios públicos

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!