header top bar

section content

Prefeito e vice de Cajazeiras terão a partir de janeiro os maiores salários da PB; juntos somam 41 mil

Além deles os 17 secretários de primeiro escalão terão salários de R$ 9 mil, que ao todo vai custar aos cofres públicos um montante de R$153 mil, mês.

Por Juliana Santos

11/12/2020 às 19h33 • atualizado em 12/12/2020 às 22h16

A Câmara Municipal de Vereadores da cidade de Cajazeiras, no Sertão paraibano, aprovou o Projeto de Lei  de número 16/2020 que aumenta os salários do prefeito, vice-prefeito, vereadores e secretários municipais. Com o aumento o prefeito reeleito José Aldemir (PP) passa a receber a partir de janeiro de 2021, o maior salário do cargo do executivo municipal, do estado da Paraíba.

Mesmo em meio à crise que abrange todo país, devido à pandemia da Covid-19, a proposta foi votada no dia 30 junho desse ano, durante sessão remota. Dos 15 vereadores que votaram a favor, apenas um votou contra, Rivelino Martins (PSB).

De acordo com o presidente da Casa Otacílio Jurema e o vereador reeleito Delzinho da Arara (PSB), Zé Aldemir teve receio de sancionar o projeto temendo uma repercussão negativa, por causa das eleições municipais, tendo o veto retornado para a Câmara, os vereadores o derrubaram e sancionaram o aumento.

VEJA TAMBÉM

O prefeito José Aldemir que atualmente recebe um salário no valor de R$ 17 mil, em janeiro de 2021 vai passar a receber R$ 24 mil. Maior até que o salário do prefeito da capital da Paraíba, Luciano Cartaxo (PV) recebe o valor de R$ 22 mil, mensais.

Já o vice-prefeito de Cajazeiras, Marcos do Riacho do Meio (MDB), vai começar a receber R$ 17 mil.

O salário do presidente da Câmara de Vereadores também teve um bom acréscimo e passa de R$ 10 mil para R$ 15 mil, a partir de janeiro do próximo ano. Os demais vereadores receberão o valor mensal de R$ 12 mil.

Além deles os 17 secretários de primeiro escalão terão salários de R$ 9 mil, que ao todo vai custar aos cofres públicos um montante de R$153 mil, mês.

Folha de Pessoal da Prefeitura de Cajazeiras

Durante o ano de 2020 também houve um grande aumento no número de servidores comissionados e também de contratação por excepcional interesse público.

De acordo com os dados do Sagres Online do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), em janeiro desse ano eram 369 servidores comissionados e de contratação por excepcional, que custaram ao cofres públicos o valor de R$ 832,602 mil. Em outubro de 2020, o número de contrações quase dobro, fechando em 598 contratações que custaram R$ 1.328,637. Um aumento de quase meio milhão de reais entre os meses de janeiro e outubro.

Ao todo, em janeiro eram 1.680 servidores municipais, incluindo efetivos, comissionados e contratação, já em outubro estava em 1.943 servidores.

Ainda de acordo com Sagres, em janeiro deste ano a folha de pessoal da prefeitura de Cajazeiras com 1.680 servidores custava R$ 5.213.344,95. Em outubro, mês da última atualização do Sagres do TCE, desse ano, a prefeitura tinha 1.943 servidores, e os valores pagos com a folha, chegou a quase 6 milhões, o total de R$ 5.989.723,08.

Dados do Sagres – Tribunal de Contas do Estado da Paraíba. (Foto: Reprodução)

Dados do Sagres – Tribunal de Contas do Estado da Paraíba. (Foto: Reprodução)

DIÁRIO DO SERTÃO

MUITA SAUDADE

VÍDEO: Família quebra silêncio e fala da saudade após quase quatro meses da morte de Dr. Ivan Cavalcanti

TRAGÉDIA

VÍDEO: Programa Balanço Diário trouxe detalhes sobre acidente em Cajazeiras que deixou uma vítima fatal

OS CIRINEUS DO CAMINHO

VÍDEO: Inspirado no evangelho, Mensagem de Esperança apresenta o tema: ‘’Tome a sua cruz e siga-me’’

EM SÃO JOSÉ DE PIRANHAS

VÍDEO: Prefeito Chico Mendes visita obra na Praça Central e se diz satisfeito: “está a todo vapor”

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!