header top bar

section content

VÍDEO: Médico ginecologista defende que haja intervenção federal no HUJB após morte de Ananda Vitória

Gentil Paiva lamentou a morte da criança no Hospital Universitário Júlio Bandeira e cobrou uma solução para atendimentos de pronto socorro no hospital

Por José Dias Neto

27/04/2022 às 16h37 • atualizado em 27/04/2022 às 16h40

O médico ginecologista Gentil Paiva, em participação no programa Olho Vivo, da Rede Diário do Sertão, lamentou o caso da criança Ananda Vitória, de 3 anos, que faleceu no Hospital Universitário Júlio Bandeira (HUJB), em Cajazeiras, no último sábado (23), e cobrou uma solução para atendimentos de pronto socorro no hospital.

Gentil Paiva se solidarizou com a mãe da criança, que foi interrogada na Polícia Civil após a equipe médica do HUJB constatar lesões em parte íntima do corpo.

O médico defende que haja intervenção federal na unidade de saúde. “Imagina a dor dessa mãe. Tem noção do que essa mãe está sentindo agora? Eu sou Ananda Vitória e eu peço intervenção federal já”, disse.

DIÁRIO DO SERTÃO

TEMA IMPORTANTE

VÍDEO: “O assistencialismo não contribui para a transformação social”, diz gestor de projetos

NOVO EMPREENDIMENTO

VÍDEO: Empresário cajazeirense inaugura parque de vaquejada e se emociona ao ver reportagem com o pai

"SAGA GIGANTESCA"

VÍDEO: Filho se emociona ao lembrar o dia em que intubou Normando Sóracles, que faleceu de Covid-19

SEGURA

VÍDEO: Juiz de Itaporanga condena fake news sobre urna eletrônica: “Quem mais contesta ganhou pleitos”

Recomendado pelo Google: