header top bar

section content

Mãe denuncia que filho de quatro anos foi abusado sexualmente dentro de banheiro em escola em Sousa

“Fiquei surpresa com uma acusação como essa. Tenho certeza que esse fato não ocorreu na escola”, afirmou a diretora.

Por

02/07/2014 às 12h05

Menino tem apenas quatro anos (Foto: DS)

A doméstica Francisca Félix de Sousa procurou a reportagem do Diário do Sertão nessa quarta-feira (02) para fazer um apelo as autoridades policiais para investigarem o caso de suposto abuso sexual que seu filho de apenas quatro anos de idade sofreu dentro de um banheiro da escola Municipal Clotário de Paiva Gadelha em Sousa. O caso ocorreu há dois meses, mas só agora foi divulgado com exclusividade pelo portal Diário do Sertão.

Ainda de acordo com informações da mãe, diariamente ela levava e buscava o filho na escola, e um dia quando o menino chegou em casa para tomar banho ele passou a sentir dores no ânus. Depois de 15 dias, o menino voltou a sentir a mesma dor e a mãe passou a suspeitar que o filho havia sofrido abuso sexual.

 
                                                  Mãe diz que o filho foi abusado no banheiro da escola (Foto: Charley Garrido)

“Ele tinha medo de dizer o que tinha acontecido, mas eu insisti e ele me disse que outro menino tinha lhe abusado sexualmente dentro do banheiro do colégio”, falou Francisca Félix.

Veja vídeo!

Outro lado
A diretora da Escola Municipal Clotário de Paiva Gadelha, Rosa Henrique falou que não tem como ter ocorrido um estupro dentro do colégio, pois no período da manha só estudam crianças de quatro a oito anos e todas elas são cuidadas com muita atenção pelas professoras e mais duas supervisoras.

“Fiquei surpresa com uma acusação como essa. Quero que seja investigado, mas eu tenho certeza que esse fato não ocorreu na escola”, declarou Rosa Henrique.

Veja vídeo! 

Investigação policial
Na época, a mãe levou o filho até o Instituto Médico Legal (IML) em Patos, para realizar exames médicos que vão apontar se o menino sofreu abuso sexual.  O delegado da 19ª Área Integrada de Segurança Pública (AISP), Sylvio Rabello, falou que o caso está sendo investigado pela Polícia Civil. 

“Vamos aguardar o resultado do laudo que deve ser divulgado nos próximos dias para darmos continuidade ao inquérito policial. Se realmente for constatado o estupro, nós vamos identificar e punir essa pessoa”, falou o delegado Sylvio Rabello.

Veja vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

ESTELIONATO

VÍDEO: Após dois golpes em banco de Cajazeiras, advogado mostra como vítimas devem buscar seus direitos

FIQUE POR DENTRO

Radialista sousense fala das condenações de ex-prefeitos e visita da PF na casa de empresário no Sertão

6ª EDIÇÃO DO EVENTO

VÍDEO: Mesa Redonda da Faculdade Santa Maria discute direitos e diversidade humana; veja como participar

VÍDEO

Chico Mendes diz que pode dividir palanque com Cleide e dispara: “Tô pronto para disputar com Paula”