header top bar

section content

IXE: Pós-carnaval, popular denuncia lixão e criatório de mosquito em Cajazeiras. Veja!

Segundo Roberto Cartaxo, o lixo ainda continua na Agrofolia porque a estrutura de camarote ainda não foi desmontada.

Por Luzia de Sousa

16/02/2016 às 16h39 • atualizado em 16/02/2016 às 16h53

Morador denuncia que lixo do carnaval realizado na Agrovila ainda continua no local

Preocupado com possíveis focos do mosquito aedes aegipty, um morador do Bairro Agrovila de Cajazeiras, usou a rede social WhatsApp para denunciar que o lixo produzido durante o carnaval no local ainda não foi retirado.

Segundo o denunciante, já foram feitas várias solicitações a prefeitura, mas após oito dias da realização do evento na cidade, o lixo continua do mesmo jeito.

2lixo_carnaval_16_024lixo_carnaval_16_02

De acordo com o morador, sacolas, caixas, garrafas, tecidos, faixas, copos e buracos feitos para retirada da estrutura formam moradas para o mosquito, caso ocorra chuvas.

Ele não quis se identificar, pois alegou que são poucos moradores da localidade e teme retaliações.

1lixo_carnaval_16_02

Outro lado
Em contato com a reportagem do Diário do Sertão, o secretário Roberto Cartaxo admitiu que há lixo na Agrofolia, mas reclamou também dos moradores, que segundo ele, jogam animais mortos no local.

Segundo Roberto Cartaxo, o lixo ainda continua na Agrofolia porque a estrutura de camarote ainda não foi desmontada, mas se comprometeu em resolver o caso.

DIÁRIO DO SERTÃO

ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo