header top bar

section content

VÍDEO: projeto “Mais Enilde” bate recorde de doações em Sousa: 280 de sangue e 120 de medula óssea

O projeto beneficia as pessoas que precisam de sangue e medula óssea

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

11/05/2018 às 13h57 • atualizado em 11/05/2018 às 14h19

Foi encerrado nesta sexta-feira (11) o projeto “Mais Enilde” desenvolvido pela empresa de Laticínio Belo Vale Isis, com o objetivo de conseguir 200 doadores de sangue e 50 de medula em cinco dias no hemonúcleo do município de Sousa, Sertão da Paraíba.

A campanha iniciou na segunda-feira (07), e encerrou às 12h desta sexta-feira (11) e o número de doações surpreendeu os organizadores, foram 280 doações de sangue e 120 doações de medula.

Em entrevista ao Diário do Sertão, a coordenadora do projeto, Priscila Guedes, comemorou o sucesso do projeto que beneficia as pessoas que precisam de sangue e medula óssea:

“Um gesto de amor que nos surpreende a cada ano. Só temos que agradecer à todas as pessoas que fizeram parte desse projeto”, disse Priscila.

Projeto “Mais Enilde” em Sousa (foto: Charley Garrido)

Veja também:
Menino precisa doação de medula para sobreviver; irmã morreu com a mesma doença

Vídeo mostra doações no hemonúcleo de Sousa

Hemonúcleo de Sousa precisa de doadores de sangue O negativo

Doações continuam
Qualquer pessoa poderá doar sangue, desde que sejam observadas algumas condições, a fim de garantir a segurança e a qualidade do procedimento:

Requisitos básicos:
*Estar em boas condições de saúde.
*Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos.
*Pesar no mínimo 50kg.
*Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas).
*Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação).
*Apresentar documento original com foto recente, que permita a identificação do candidato, emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social).

Doação de medula
As pessoas interessadas em doar medula óssea podem se dirigir ao hemonúcleo portando o cartão do SUS, RG e um comprovante de residência e devem ter idade entre 18 e 55 anos.

Veja fotos:

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

DONO DA CONSULTRAN

VÍDEO: Especialista em trânsito elogia Zona Azul de Cajazeiras, mas cobra ensino de trânsito nas escolas

QUER MAIS SEGURANÇA

VÍDEO: Cantor da região de Cajazeiras diz que consumo de drogas nas festas dificulta fechar contrato

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Em Cajazeiras, médica explica o que é ‘prato colorido’ para quem quer perder peso com saúde

BOMBA

VÍDEO: Jornalista cajazeirense mira nos ‘Bocas Loucas’ da política paraibana