header top bar

section content

Escola estadual em Sousa inaugura sistema solar para fornecimento de energia elétrica

O projeto foi realizado em parceria com o Comitê de Energias Renováveis do Semiárido (Cersa), o Fórum de Mudanças Climáticas e Justiça Social, Misereo (Alemanha), e Caritas Brasileira.

Por Diário do Sertão com Assessoria

09/07/2018 às 10h53 • atualizado em 09/07/2018 às 10h56

Serão 12 placas de 3,2 KWp que vão gerar 350 KW hora por mês para a escola

A Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Professora Dione Diniz Oliveira Dias, na cidade de Sousa, sertão do estado, é a primeira escola estadual da Paraíba a inaugurar um sistema solar fotovoltaico interligado à rede elétrica. A inauguração aconteceu na sexta-feira (06) e contou com a presença do secretário de Estado da Educação, Aléssio Trindade. O projeto foi realizado em parceria com o Comitê de Energias Renováveis do Semiárido (Cersa), o Fórum de Mudanças Climáticas e Justiça Social, Misereo (Alemanha), e Caritas Brasileira.

De acordo com César Nóbrega, coordenador do Cersa e integrante da Frente Nova Política Energética para o Brasil, são 12 placas de 3,2 KWp que vão gerar 350 KW hora por mês para a escola. “O fundamental nisso é que será também um instrumental pedagógico”, disse César. A primeira etapa do projeto começou em 2016, com a realização de oficinas e palestras com alunos e comunidade sobre matriz energética e mudança climáticas. A segunda foi a implantação do sistema e a terceira etapa é trabalhar a gestão e
eficiência energética.

Para o gestor da escola, Gildário Sarmento, o projeto não só é importante para a economia de energia, “mas porque prepara o alunado e a comunidade para contribuir com a preservação do meio ambiente”.

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Colunista comenta por que Rodrigo Maia se tornou o ‘queridinho’ de Bolsonaro e de deputados da PB