header top bar

section content

Em Sousa, Câmara aprova projeto proibindo o uso de celulares em salas de aula de escolas municipais

A PL segue para o gabinete do Prefeito Fábio Tyrone (PSB) para ser sancionado.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

30/11/2018 às 14h45 • atualizado em 30/11/2018 às 14h46

A maioria dos softwares e aplicativos tem falhas de segurança gravíssimas, e elas nunca serão consertadas

A Câmara municipal da cidade de Sousa, sertão do estado, em uma de suas últimas sessões ordinárias, antes do recesso de final de ano, aprovou  um projeto de lei que proíbe o uso de aparelhos celulares dentro das salas de aula de escolas municipais.

O projeto de lei de nº 038/2018, de autoria do vereador Ananias Vieira (MDB), foi aprovado por unanimidade e segue para o gabinete do Prefeito Fábio Tyrone (PSB) para ser sancionado.

Em 2015, a casa legislativa também aprovou por unanimidade a PL de nº 08/2015 que também pede a proibição de telefones celulares em repartições públicas do município, vedando assim o uso do aparelho em hospitais, postos de saúde, instituições bancárias e financeiras, salas de aulas e conferências, casas fechadas de espetáculos, bibliotecas e também na própria Câmara Municipal durante o horário de expediente.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

VISTANDO SUA TERRA NATAL

Heron Cid defende centro universitário em Marizópolis e ponto de intersecção entre Sousa e Cajazeiras

BOA NOTÍCIA

Hospital Universitário de Cajazeiras passa a oferecer novos serviços para a população do Alto Sertão

REVOLTA

VÍDEO: ‘Só quem odeia Lula o quer preso, como se ele fosse um bandido perigoso’, diz jornalista

VÍDEO

“Sou liderança forte, mas estou abandonado”, declarou Gobira ao vivo sobre grupo de Carlos Antonio