header top bar

section content

Empresário ganha R$ 24 mil em aposta esportiva e faz doação para instituições carentes e time do Sousa

O caso ganhou repercussão nas redes sociais, e a população parabenizou “Peixinho” pela atitude de solidariedade.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

25/11/2019 às 16h07 • atualizado em 25/11/2019 às 16h27

O empresário sousense Jailton Alves, mais conhecido como “Peixinho”, foi o sortudo do final de semana que ganhou um prêmio no valor de R$ 24,7 mil em uma aposta em uma banca esportiva no jogo deste sábado (23) entre Flamengo x River pela final da libertadores que resultou na vitória do clube brasileiro pelo placar de 2 a 1.

O empresário Peixinho apostou na vitória do Flamengo e com a vitória do Mengão ele recebeu a premiação. Peixinho realizou nesta segunda-feira (25) a doação em dinheiro para instituições de caridade do município de Sousa e também para o Sousa Esporte Clube.

O caso ganhou repercussão nas redes sociais, e a população parabenizou “Peixinho” pela atitude de solidariedade.

O presidente do Sousa Esporte Clube, Aldeone Abrantes, postou um vídeo no Instagram do Sousa Esporte Clube falando das doações feitas pelo empresário sousense.

Empresário sousense, Jailton Alves (foto: DS)

Confira lista das entidades que receberam as doações:

1 – Casa de Recuperação Santa Ágata para mulheres
2 – Abrigo Jesus Maria e José
3 – Comunidade Jesus Pérola Preciosa
4 – Abrigo Casa do Caminho
5 – Projeto com Crianças e Famílias Núcleo Habitacional I
6 – Casa de Misericórdia para Moradores de Rua
7 – Sousa Esporte Clube

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

DESTAQUE

VÍDEO: Projeto de microcrédito coordenado por cajazeirense vence prêmio internacional em São Paulo

SE SENTINDO TRAÍDO

VÍDEO: Ricardo cita nomes responsáveis por racha e rejeita amizade com João: “Está na página deplorável”

FIM DO SONHO?

VÍDEO: Membro do comitê pede explicações sobre a não entrega do projeto do HU do Sertão dentro do prazo

VÍDEO

Júnior promete apoiar Denise para disputar prefeitura de Cajazeiras e denuncia gestão de Zé Aldemir