header top bar

section content

VÍDEO: Tribunal de Justiça nega recurso e mantém condenação de ex-prefeita da região de Cajazeiras

Ex-prefeita poderá cumprir detenção em regime aberto ou conseguir substituir essa detenção por pena restritiva de direitos ou prestação de serviços à comunidade

Por Jocivan Pinheiro

15/07/2021 às 15h47 • atualizado em 15/07/2021 às 15h49

O Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) negou recurso e manteve uma condenação da ex-prefeita de Joca Claudino, Lucrécia Adriana de Andrade Barbosa, por crime de responsabilidade. Ela foi condenada na comarca de Uiraúna, mas após a extinção desta comarca, o processo passou a tramitar na 6ª Vara Mista de Sousa, em 1º grau.

O acórdão da decisão ainda não foi lavrado e divulgado, por isso ainda não é possível afirmar do que a ex-prefeita está sendo acusada nesta ação. A princípio, sabe-se que Lucrécia foi condenada a 7 meses e 3 dias de detenção.

VEJA TAMBÉM

Advogada explica decisão da Justiça que bloqueou bens de ex-prefeita da região de Cajazeiras

A defesa da ex-prefeita ainda pode recorrer no próprio TJPB, no Supremo Tribunal de Justiça (STJ) e, em última instância, no Supremo Tribunal Federal (STF).

Se a condenação for mantida, Lucrécia poderá cumprir detenção em regime aberto ou conseguir substituir essa detenção por pena restritiva de direitos ou prestação de serviços à comunidade.

Tentamos contato com a assessoria jurídica da ex-prefeita para colher mais detalhes da ação, mas não conseguimos.

DIÁRIO DO SERTÃO

ABSURDO

VÍDEO: Em 11 dias do Censo 2022 na Paraíba, recenseadores são assaltados e um dos casos é no Sertão

PARABÉNS

VÍDEO: Madeirart’s é escolhida a melhor marcenaria de Cajazeiras pela pesquisa Os Melhores do Ano

CÂMARA DE VEREADORES DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Na estreia, programa Câmara em Ação recebe Eriberto Maciel e destaca projetos e concurso

AINDA FALTA

VÍDEO: Ex-chefe da SUDEMA defende construção de terceiro eixo da transposição para o Vale do Piancó

Recomendado pelo Google: