header top bar

section content

Universitário vítima fatal do acidente entre ônibus no Sertão escreveu em rede social que temia morrer a caminho da faculdade; “Muitos conseguem, outros ficam pelo caminho”

Na mensagem ele demonstrou que temia algo grave, mas dava graças a Deus por nenhum estudante ter perdido a vida.

Por Luzia de Sousa

26/08/2016 às 09h44 • atualizado em 26/08/2016 às 09h45

Acidente matou um deixou 67 feridos no Sertão da Paraíba

Acidente matou um deixou 67 feridos no Sertão da Paraíba

Valdemberg Primo de Araújo, 39 anos, única vítima fatal em um grave acidente que ocorreu nessa segunda-feira (22), envolvendo dois ônibus universitários de Itaporanga e Boa Ventura, na BR-361, publicou em seu perfil no Facebook no dia 9 de junho, reconhecendo o risco que corria todos os dia e que já tinha passado por situações parecidas, só que sem gravidade.

Na mensagem, o sertanejo se solidarizava com as famílias de 18 estudantes universitários mortos em acidente semelhante ao que tirou sua vida.

O acidente comentado pelo universitário aconteceu na divisa entre Mogi das Cruzes e Bertioga, no tesado de São Paulo. O Capitão do Corpo de Bombeiros afirma que 18 morreram e 28 se feriram.

Na mensagem em sua rede social ele demonstrou que temia algo grave, mas dava graças a Deus por nenhum estudante ter perdido a vida. “Muitos conseguem, outros ficam pelo caminho”. Escreveu

Vandemberg

DIÁRIO DO SERTÃO com Hora do Vali

YOUTUBER DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Léo Abreu revela em quais profissões podemos encontrar psicopatas

ESPERANÇA NA POLÍTICA!

VÍDEO: Pastor evangélico fala sobre Bolsonaro: “Ele incorporou o que a sociedade acredita: a família”

ASSISTA!

Arquitetura, urbanismo e direitos humanos marcaram último episódio da temporada do Coisas de Cajazeiras

VÍDEO

Comemorando o dia dos Direitos Humanos, professor fala sobre os avanços da data no Diversidade em Foco