header top bar

section content

TJPB reconhece que motorista causou acidente que matou 13 estudantes e prefeitura deve pagar R$ 6 milhões às famílias

O advogado Cláudio Diniz afirmou que o processo foi julgado por unanimidade pelo Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB). Vídeo!

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

29/08/2016 às 13h17 • atualizado em 29/08/2016 às 18h29

A reportagem do Portal e TV Online Diário do Sertão entrevistou nesta segunda-feira (29) o sousense Cláudio Diniz, ele é o advogado das famílias dos estudantes mortos em um grave acidente no dia 23 de maio de 2006 na rodovia PB-391, entre os municípios de Sousa e Uiraúna. A colisão envolveu um ônibus e um veículo pau-de-arara e deixou 13 mortos e 15 feridos.

13 pessoas morreram no acidente registrado no dia 23 de maio de 2006 (Foto: obeabadosertão)

13 pessoas morreram no acidente registrado no dia 23 de maio de 2006 (Foto: obeabadosertão)

De acordo com informações da Polícia Militar, ao desviar de uma carroça de burro, um ônibus pertencente a Prefeitura Municipal de Vieirópolis colidiu na lateral de um veículo pau-de-arara que estava com os estudantes. Todas as vítimas fatais estavam no pau-de-arara.

Decisão do TJPB
10 anos após a tragédia, as famílias das vítimas ainda esperam receber a indenização. O advogado Cláudio Diniz afirmou que o processo foi julgado por unanimidade pelo Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB).

Ainda de acordo com o advogado, a decisão reconhece que o motorista que dirigia o ônibus pertencente à Prefeitura Municipal de Vieirópolis foi o causador do acidente. “Apesar de não terem a vida de seus filhos de volta, mas com essa decisão do TJPB, pelo menos vai amenizar um pouco a dor da família, sabendo que a justiça foi feita, e o valor a ser pago é de aproximadamente R$ 6 milhões”, finalizou Cláudio Diniz.

Prefeitura vai recorrer
O setor jurídico da prefeitura Municipal de Vieirópolis, afirmou que entrou com embargos declaratórios e vai recorrer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

DESMITIFICANDO!

ASSISTA: Médico e ex-prefeito de Cajazeiras esclarece polêmicas que envolvem o tratamento ‘eletrochoque’

CRÍTICAS A IMÓVEL ALUGADO

VÍDEO: Interdição de escola gera embate entre professores e gerente de Educação na cidade de Cajazeiras

ACIDENTE DE MOTO

EXCLUSIVO: Do hospital, Paulo Feitoza revela que quase ficou paraplégico e diz que está vivo por milagre

NA TV

VÍDEO: Casal de idosos volta a fazer apelo para reformar casa que corre risco de desabar em Cajazeiras