header top bar

section content

Tribunal de Justiça mantém decisão de juíza de Cajazeiras sobre sequestro de contas da prefeitura; Procurador adianta que recorrerá

“A gente sempre entende que é possível modificação porque não foram analisados os pedidos de nulidade do processo”

Por Luzia de Sousa

07/12/2016 às 15h23 • atualizado em 07/12/2016 às 15h31

Tribunal de Justiça da Paraíba mantém decisão em Cajazeiras

O Tribunal de Justiça da Paraíba acompanhou a decisão de primeira instância da juíza da Comarca local, Silse da Nóbrega, que mandou sequestrar valores das contas da prefeitura de Cajazeiras para pagar os servidores atrasados do ano de 2008.

+ Justiça condena prefeitura de CZ pagar benefícios aos professores e Sinfumc aplaude

A informação foi confirmada na tarde desta quarta-feira (7), pelo advogado do SINFUMC (Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Cajazeiras), João de Deus Quirino Filho.

+ IXE: Justiça manda sequestrar recursos da prefeitura de Cajazeiras para pagar salários

O agravo de instrumento teve relatoria da Desembargadora Maria das Graças Morais Guedes, que não acatou a argumentação da prefeitura, onde alegou que as ordens de pagamentos por RPV´s não teria sido individualizadas.

A decisão é referente ao pagamento do mês de novembro de 2008, que está com débito calculado em 1 milhão 973 mil 349 reais e 50 centavos.

O outro lado
O procurador do município, o advogado Rogério Oliveira já se pronunciou disse vai recorrer mais uma vez e fazer um pedido de reconsideração. “A gente sempre entende que é possível modificação porque não foram analisados os pedidos de nulidade do processo”, explicou ele.

Ouça áudio da Rádio Alto Piranhas!

DIÁRIO DO SERTÃO

CURADOS?

Médico diz que todos as pessoas que venceram a COVID-19 ficarão com sequelas para o resto da vida

SERÁ ELE?

VÍDEO: Na corrida para definir vice, Denise diz estar mais próxima do empresário Beiga do que de Neguim

MAIS DE 17 INFECTADOS

VÍDEO: Homem de 42 anos é o 34º óbito em decorrência do novo coronavírus registrado em Cajazeiras

MP FOI ACIONADO

VÍDEO: Prefeitura de Pombal desaloja grupo cultural e é denunciada por colocar acervo histórico no lixo

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!