header top bar

section content

INSEGURANÇA! Vereador revela que violência está assustando a população em Sousa: “Seria o cangaço?”

Cacá afirmou que a Cidade Sorriso está perdendo o seu brilho e tranquilidade, por conta do grande número de assaltos registrados

Por Campelo Sousa

01/12/2017 às 09h00 • atualizado em 01/12/2017 às 10h24

Vereador Cacá Gadelha

Na manhã desta quarta-feira (29), o vereador Adilmar de Sá Gadelha (PSD), mais conhecido como Cacá Gadelha, utilizou as suas redes sociais para relatar sua indignação sobre a falta de segurança que está assolando a população de Sousa e Região.

Cacá afirmou que a Cidade Sorriso está perdendo o seu brilho e tranquilidade por conta do grande número de assaltos registrados frequentemente.

Em uma parte da publicação, o parlamentar indagou e comparou com o cangaço, e fez uma observação, confira a seguir: “Seria a volta do cangaço? Não! Desonraríamos o cangaço ao tecermos tal comparação. Acreditem: É bem pior! Os cangaceiros tinham suas próprias leis, e viviam sobre condições adversas. O que vem se instalando aqui é algo desordenado, não segue regras, não tem limites, nem tampouco adversidades.”

Há alguns meses atrás, foi realizada uma audiência na câmara de vereadores, pauta esta que foi propositura do Vereador Cacá onde foi feito debate sobre segurança pública no município.

Confira a postagem do Vereador:

“SERIA O CANGAÇO?”

Sousa sempre fora conhecida pelo seu povo ordeiro e feliz. O clima de violência instaurado, no entanto, vem afastando o sorriso de seus habitantes.

Como se não bastassem os crimes de furto, roubo etc que vem atingindo o país inteiro, muitos sendo reflexos da falta de educação e da crise financeira; em Sousa ainda temos a barbárie de imposição de poder pelo uso da força bruta.

Seria a volta do cangaço? Não! Desonraríamos o cangaço ao tecermos tal comparação. Acreditem: É bem pior! Os cangaceiros tinham suas próprias leis, e viviam sobre condições adversas. O que vem se instalando aqui é algo desordenado, não segue regras, não tem limites, nem tampouco adversidades.

Sousa não pode substituir seu sorriso pelo medo dos atentados, das tentativas de intimidações, que vem sendo lugar comum em nosso lugar deveras especial.

Deflagrada a Operação Mordaça por nossas Polícias Civil e Militar, a esperança de vermos coibidos esses desmandos primitivos dos que não sabem fazer uso da palavra e da honestidade, me tranquiliza em parte.

Como sabem, em julho deste ano, eu e minha família fomos surpreendidos por fogo em nossa casa – nada mais primitivo.

Quatro meses sem respostas. Quatro meses de aflições. São quatro meses de espera.

Parabenizo nossos verdadeiros heróis da Polícia, ao tempo em que peço um desfecho para o atentado que sofremos. Não existe atentado maior que a impunidade. Que seja feita Justiça.

Cacá Gadelha

Números do 14º Batalhão de Polícia Militar de Sousa:

O 14º BPM de Sousa conta com uma subdivisão de 4 Companhias, a 1ª funciona na cidade sede Sousa, a 2ª fica no Município de Aparecida que tem uma estrutura de destacamento e muita das vezes funciona conta com dois homens, a 3ª Companhia tem sede na Cidade de Pombal e a 4ª Cia que funciona a CPE (Companhia de Policiamento Especializado). Segundo informações extraoficiais, o 14º BPM conta com pouco mais de 230 policiais para realizar a segurança destas cidades sede e região.

DIÁRIO DO SERTÃO

ARTE E SERTÃO

VÍDEO: Em intervenção colorida, alunos e professores da UNISM espalham alegria no Leblon de Cajazeiras

ESTUDANTES

VÍDEO: Acadêmicas da Faculdade Santa Maria falam sobre doença rara e confirmam seis casos em Cajazeiras

MAIS "FÉRIAS"

VÍDEO: Vereadores de Paulista aprovam aumento de recesso para 105 dias: “Um tapa na cara da população”

MUNICÍPIO RACHADO

VÍDEO: Vice-prefeito de Piancó confirma rompimento com o prefeito e anuncia apoio a Pedro Cunha Lima

Recomendado pelo Google: