header top bar

section content

Cajazeirense relata momento de medo durante viagem a João Pessoa: “Agradeço a Deus pelo livramento”

"Eu estava na última poltrona junto com minha esposa, por pouco a janela não estourou nos atingindo. Agradeço a Deus pelo livramento", relatou o assessor.

Por Luzia de Sousa

01/02/2018 às 15h45 • atualizado em 01/02/2018 às 16h32

ônibus foi trocado para seguir viagem (Foto: Daniel Oliveira)

O assessor de imprensa do Hospital Regional de Cajazeiras, Daniel Oliveira relatou nesta quinta-feira (1), que passou momento de muito medo durante viagem a João Pessoa. Ele explicou que se tratou de uma tentativa de assalto.

Daniel explicou que saiu de Cajazeiras no período da noite, com destino a capital, em um ônibus da Guanabara, quando o veículo passava pelo Distrito de São Gonçalo, município de Sousa foi apedrejado.

O cajazeirense disse que homens estavam escondidos no matagal próximo a pista, e passaram a jogar pedras no ônibus, que seria para forçar o motorista a parar o veículo, mesmo assim, o motorista seguiu viagem até a cidade de Sousa, solicitando outro veículo para continuar o percurso.

Segundo Daniel, a tentativa seria para quebrar o parabrisa do veículo, mas devido a velocidade do ônibus e estar na mão direita e os indivíduos no bordo da pista do lado esquerdo, ao lançar a pedra, acabou atingindo a penúltima janela do ônibus.

“Eu estava na última poltrona junto com minha esposa, por pouco a janela não estourou nos atingindo. Agradeço a Deus pelo livramento”, relatou o assessor.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

QUE VENHA MAIS!

VÍDEO! Sousa registrou maior chuva da Paraíba em 2019 e açude São Gonçalo aumenta 61 centímetros

SONHO REALIZADO

VÍDEO/FOTOS: Prefeitura de Cajazeiras realiza sorteio de 300 apartamentos e evento é marcado pela emoção

MUITA ÁGUA!

A MAIOR DA HISTÓRIA: ruas e avenidas em Sousa viram rios após fortes chuvas durante a madrugada. Veja!

SERTÃO EM DESTAQUE

VÍDEO: Com cajazeirense na vice-presidência, Paulo Maia toma posse para comandar OAB Paraíba até 2021