header top bar

section content

Ex-companheiro acusado de matar técnica de enfermagem em Sousa é preso em ação policial

A jovem estava há cerca de 3 dias estava estagiando em um escritório de seguros, para prover o seu sustento e o da filha quando acabou sendo morta

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

07/02/2018 às 21h48 • atualizado em 07/02/2018 às 21h53

A jovem foi brutalmente assassinada enquanto trabalhava (Foto: Arquivo Pessoal)

Foi preso no início da noite desta quarta-feira (07), nas Várzeas de Sousa, o homem acusado de matar a técnica de enfermagem na cidade de Sousa, sertão do estado.

A jovem Francisca da Silva de 28 anos foi morta a tiros em seu ambiente de trabalho no início da semana, pelo seu ex-companheiro, de 48 anos.

O acusado foi preso após uma ação policial, foi conduzido para a delegacia e resguardou o seu direito de falar apenas em juizo.

O delegado que está a frente do caso, Dr. Vicente Honorio disse que o acusado disse apenas que a arma utilizada no crime foi descartada pelo acusado em uma estrada que dá acesso ao sítio cadeado, na região de Sousa, e o que teria motivado p crime, segundo o acusado, teria sido uma traição.

Luana, como era mais conhecida era cativante e sonhadora. Há cerca de 3 dias estava estagiando em um escritório de seguros, para prover o seu sustento e o da filha.

Em suas redes sociais, os amigos da jovem deixaram mensagens lamentando a sua partida e dizendo o quanto ela era querida por todos.

+ NÃO RESISTIU: técnica em enfermagem alvejada a tiros por ex-namorado morre em hospital de Sousa

A jovem era casada com o suspeito de seu assassinato, e tinha uma filhinha de 12 anos. O relacionamento entre eles não era bom, e a jovem decidiu se separar do acusado.

Ainda segundo o delegado, o crime pode ter sido passional.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

DESMITIFICANDO!

ASSISTA: Médico e ex-prefeito de Cajazeiras esclarece polêmicas que envolvem o tratamento ‘eletrochoque’

CRÍTICAS A IMÓVEL ALUGADO

VÍDEO: Interdição de escola gera embate entre professores e gerente de Educação na cidade de Cajazeiras

ACIDENTE DE MOTO

EXCLUSIVO: Do hospital, Paulo Feitoza revela que quase ficou paraplégico e diz que está vivo por milagre

NA TV

VÍDEO: Casal de idosos volta a fazer apelo para reformar casa que corre risco de desabar em Cajazeiras