header top bar

section content

Comandante dos Bombeiros se pronuncia sobre incêndio em Uiraúna; explosões ocorreram durante o fogo

Em vídeos gravados pela população é possível ouvir sucessivas explosões, o que deixou os moradores da cidade assustados.

Por Luzia de Sousa

20/12/2018 às 18h35 • atualizado em 20/12/2018 às 21h08

O Comandante da 5ª Companhia do Corpo de Bombeiros de Cajazeiras, o Major Edênio falou sobre o incêndio de grandes proporções ocorrido na cidade de Uiraúna, Sertão da Paraíba.

+ Incêndio de grandes proporções atinge várias lojas na região de Cajazeiras e desespera a população

De acordo com o comandante, a primeira equipe a fazer o combate foi da cidade de Sousa, devido a proximidade com Uiraúna.

Edênio explicou que as informações dão conta que o incêndio começou no depósito de uma loja e depois se alastrou para vários prédios.

Foram utilizados para combater o incêndio, três viaturas, dois autos bomba tanques e um auto tanque do Corpo de Bombeiros, além de Carros-pipa da prefeitura da cidade e da comunidade.

O Comandante disse que já houve o controle das chamas, mas as equipes vão fazer a verificação dos danos causados. Ele se deslocou para Uiraúna para acompanhar os trabalhos.

Incêndio foi registrado na cidade de Uiraúna nesta quinta-feira

Incêndio
Em vídeos gravados pela população é possível ouvir sucessivas explosões, o que deixou os moradores da cidade assustados. Não foram divulgadas as causas do incêndio e ninguém ficou ferido.

Ouça áudio da Rádio Diário do Sertão FM!

Veja a reportagem da TV Diário do Sertão:

DIÁRIO DO SERTÃO

FUTEBOL

VÍDEO: Diário Esportivo traz resumo da 2ª rodada do Paraibano e detalhes da nova contratação do Atlético

COM CHICO CARDOSO

VÍDEO: ‘Briga’ entre Zé Aldemir e Airton, e Tyrone com os Gadelhas são os destaques do Direto ao Ponto

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Advogadas tiram dúvidas sobre Previdência Social e criticam atendimento no INSS de Cajazeiras

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Júnior e Jeová começam a ganhar cargos em Cajazeiras e “sinal vermelho foi ligado”, diz colunista