header top bar

section content

Polícia investiga série de mortes de animais em bairro da cidade de Sousa; indícios são de crime

De acordo com relatos de moradores, nos últimos dias pelo menos quatro animais apareceram mortos sem nenhum sinal de violência no bairro

Por Jocivan Pinheiro

14/05/2019 às 16h04 • atualizado em 14/05/2019 às 21h59

Trecho de Sousa (Foto: Reprodução/Google Street View)

Autoridades policiais e judiciárias que também fazem parte de ONG de proteção aos animais abriram uma investigação para apurar uma série de mortes de cães e gatos no bairro Gato Preto, na cidade de Sousa, no Sertão paraibano.

De acordo com relatos de moradores, nos últimos dias pelo menos quatro animais apareceram mortos sem nenhum sinal de violência no bairro. Os indícios são de envenenamento.

VEJA TAMBÉM: Jovem de Cajazeiras pede doações para castrar 15 gatas e 2 cadelas que vivem nas ruas

Em uma rua que fica próxima ao Hospital Regional de Sousa, quase todos os moradores são criadores de animais domésticos e estão preocupados. Entre eles estão autoridades das polícias Militar e Civil.

Dois delegados que também criam animais disseram que estão atentos ao caso e que a polícia já está tentando identificar suspeitos.

A lei prevê detenção de três meses a um ano, além de multa, para quem praticar abuso, maus-tratos, ferir, mutilar ou matar animais domésticos ou silvestres no Brasil.

DIÁRIO DO SERTÃO

BALANÇO

VÍDEO: advogados e pastor debatem imunidade tributária das igrejas no Brasil

CONHECIMENTO

VÍDEO: III Simpósio de Administração da Santa Maria acontece online este ano; saiba como participar

DENÚNCIA

VÍDEO: Vereador cobra explicações de Zé Aldemir sobre contratos com empresa suspeita de irregularidades

ELEIÇÕES 2020

VÍDEO: Candidatos de Cajazeiras deixam a desejar nas campanhas durante pandemia, avalia especialista

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!