header top bar

section content

Polícia Civil elucida caso de PM aposentado de SP que morava em Conceição e foi assassinado a facadas

O homem foi morto na segunda-feira à noite e encontrado na terça-feira em Diamante. O carro foi recuperado em Itaporanga. O corpo da vítima permanece no IPC de Cajazeiras aguardando a família comparecer

Por Luiz Adriano

06/01/2022 às 11h55 • atualizado em 06/01/2022 às 12h03

Paulino Picon Moreno, de 78 anos, morava em Conceição há menos de 1 ano. (Foto: reprodução/redes sociais).

Um caso de latrocínio chocou o Vale do Piancó nesta semana. Um policial aposentado identificado como Paulino Picon Moreno, de 78 anos, foi assassinado a facadas e abandonado em um sítio da zona rural de Diamante. O caso aconteceu na noite da última segunda-feira (03) na cidade de Conceição, quando a vítima bebia com três colegas e após discussão o PM foi agredido e levado pelo trio ao local da desova.

De acordo com levantamento de informações da Polícia Civil, a vítima morava em Conceição a menos de 1 ano e teria vindo de São Paulo após conhecer um dos suspeitos e iniciar um caso amoroso com ele. Conforme relato do policial civil Barromeu, da cidade de Conceição, os meliantes teriam tentado fazer um PIX no valor de R$ 15 mil da conta da vítima, mas por desconfiar da operação, a instituição financeira bloqueou a ação.

VEJA TAMBÉM

VÍDEO: Polícia Civil cumpre mandado de prisão contra investigado envolvido em vários homicídios em Patos

Barromeu relatou que o caso foi descoberto após o proprietário da casa onde o PM morava ter sabido que as portas estavam abertas e que o inquilino não se encontrava na residência. De imediato o caso foi comunicado à polícia que iniciou a apuração e conseguiu chegar até os investigados. Dois deles, um de 20 e outro de 21 anos respectivamente, foram presos e confessaram o crime e levaram os agentes até o local onde o corpo estava. Um deles está foragido.

Os meliantes disseram que agrediram a vítima e ao chegar no sítio mataram ele com vários golpes de faca peixeira. Conforme relato à polícia, os criminosos disseram que temiam que o PM o mandassem matar devido ao alto poder financeiro que ele tinha.

Eles disseram ainda que jogaram o celular e a arma do crime dentro de um açude da localidade.

O trio teria ainda roubado um veículo de propriedade da vítima o qual foi recuperado pela Polícia Civil na cidade de Itaporanga.

O carro roubado pelos criminosos foi recuperado pela polícia na cidade de Itaporanga. (Foto: divulgação/PCPB).

Os dois meliantes foram presos em flagrante e autuados pelo delegado Pereira, da cidade de Conceição. Eles responderão por latrocínio, tortura e ocultação de cadáver. Ambos foram conduzidos à cadeia pública de Conceição onde permanecem à disposição da Justiça.

O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto de Perícia Científica (IPC) de Cajazeiras para realização de exames cadavéricos.

A Ação Policial teve o apoio do delegado seccional de Itaporanga, Dr. Antonio Barbosa Netto.

DIÁRIO DO SERTÃO

MAIS "FÉRIAS"

VÍDEO: Vereadores de Paulista aprovam aumento de recesso para 105 dias: “Um tapa na cara da população”

MUNICÍPIO RACHADO

VÍDEO: Vice-prefeito de Piancó confirma rompimento com o prefeito e anuncia apoio a Pedro Cunha Lima

RESPOSTA

VÍDEO: Secretário de Saúde de São João que teria sido chamado de analfabeto, rebate Zé Aldemir

FIM DE UMA ERA

VÍDEO: Zé Aldemir cancela Xamegão tradicional e diz que vai realizar dois dias de ‘festa fora de época’

Recomendado pelo Google: