header top bar

section content

VÍDEO: Suspeito de tragédia em São Bento será indiciado por homicídio e duplo feminicídio, diz delegado

A autoridade policial deu detalhes de como aconteceu o triplo homicídio. Ele disse que testemunhas relataram que a sogra do suspeito ainda teria ficado viva, mas ao perceber, o indivíduo teria retornado e atirado na cabeça dela

Por Luiz Adriano

02/06/2022 às 18h51 • atualizado em 02/06/2022 às 18h55

O delegado da Polícia Civil de São Bento, Anderson Fontes, deu detalhes do triplo homicídio que ocorreu na manhã desta quinta-feira (2) no município. Segundo a autoridade policial, o suspeito já encontra-se no presídio de Catolé do Rocha e será indiciado por homicídio e duplo feminicídio.

Anderson Fontes informou que o investigado não chegou a ser ouvido devido ao seu estado psicológico. Conforme o delegado, ele estava “fora de si”.

“Não foi possível ouvir o suspeito, o suspeito está muito fora de si, não tem condições de falar, não tem condições de escrever e o seu advogado manifestou o desejo dele de permanecer calado, então não foi nem feito o interrogatório, apenas qualificado”, disse.

Anderson Fontes, delegado da Polícia Civil em São Bento, deu detalhes da tragédia. (Foto: print de tela).

COMO O SUSPEITO AGIU

O delegado falou que o suspeito possui uma pistola 380 registrada em seu nome, e teria utilizado a arma para efetuar diversos tiros contra sua companheira dentro da residência. Em seguida, ele se dirigiu até um comércio vizinho que pertencia a mãe de sua esposa, e ao chegar no local atirou contra ela. Conforme testemunhas, ela ainda teria ficado viva quando ele retornou e atirou na cabeça dela. Logo após, o homem encontrou seu sogro no meio da rua e também o matou.

Vítimas: esposa do suspeito ao centro, sogra à esquerda e sogro à direita. (Foto: reprodução/redes sociais).

O FATO

O triplo homicídio aconteceu na manhã desta quinta-feira (2) na rua Muritiapuã, no bairro Belarmino Lúcio, na cidade de São Bento, região de Catolé do Rocha. Segundo informações da Polícia Militar, o indivíduo matou os três familiares com disparos de arma de fogo e em seguida foragiu.

As vítimas foram identificadas como Rita Vieira Dantas, de 43 anos, Carlos Jaime Pedro da Silva, 50, e Thalita Vieira da Silva, de 26 anos.

A polícia realizou diligências e conseguiu localizar o principal suspeito do triplo homicídio. Ele estava no sítio Pinga Fogo, zona rural de São Bento. Com o indivíduo, os policiais encontraram uma pistola e muita munição. Ele foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil juntamente com o material apreendido para medidas cabíveis.

DIÁRIO DO SERTÃO

SEIS CIDADES

VÍDEO: Candidatos da Paraíba e do Ceará concorrem em mais uma eliminatória do Talentos do Sertão 2022

SEPARADOS À FORÇA

VÍDEO: Família se emociona em Cajazeiras no reencontro de mãe e filho que não se viam há mais de 50 anos

AO LADO DO PRESIDENTE

VÍDEO: Cícero Lucena ouve sonora vaia de apoiadores de Bolsonaro e tem dificuldade para discursar

DOGMAS

VÍDEO: Padre explica por que Igreja Católica Brasileira não celebra casamento de pessoas do mesmo sexo

Recomendado pelo Google: