header top bar

section content

Juíza de CZ indica debate à população e pede calma aos candidatos no confronto – VÍDEO

Mesmo insatisfeita com eventos políticos, Adriana Lins revela tranquilidade no período eleitoral.

Por Luzia de Sousa

21/09/2016 às 18h40 • atualizado em 21/09/2016 às 18h56

A juíza da 42ª Zona Eleitoral de Cajazeiras, Adriana Lins, fez um balanço das campanhas eleitorais que estão acontecendo na região de Cajazeiras, faltando pouco mais de dez dias para as eleições municipais, e destacou que até o momento está sendo um período tranquilo, muito por conta das novas regras aplicadas pela minirreforma política que, entre outras coisas, reduziu o período eleitoral e proibiu carreatas.

Em entrevista à TV Diário do Sertão, ela explica que apesar de terem sido registradas algumas ações de impugnação por parte das coligações, de modo geral o período eleitoral foi relativamente pacífico, atendendo às expectativas.

VEJA TAMBÉM

Clima esquenta em segundo debate com candidatos a prefeito de Cajazeiras

Presidente da CDL de CZ diz que população está atenta e manda recado a candidatos

Apesar de algumas proibições, Adriana Lins ainda demonstra insatisfação com os alguns eventos promovidos pelas coligações, mas diz que os limites estabelecidos no acordo foram respeitados. “Ainda não é o que a gente espera. Mas na grande maioria, ouve respeito ao que ficou estabelecido no acordo”, disse a juíza.

Quanto à questão de proibição de carreatas, ela desabafa afirmando que “é o evento mais inútil que se possa ter para uma campanha eleitoral”, e que o mais importante seria os candidatos se voltarem para a apresentação de suas propostas, que é o que se esperam. Ela torce para que nesses últimos dias, as pessoas possam manter o respeito e que os candidatos demonstrem suas capacidades governamentais que possam beneficiar a política municipal.

Com respeito aos debates, Adriana destaca a importância de a população ouvir os candidatos. “O debate é o momento mais rico. Eu espero que a população esteja disposta a ouvir os motivos de cada um, as justificativas. Esse é o momento mais rico.”

DIÁRIO DO SERTÃO

.

MÊS ESPECIAL

VÍDEO: Paróquia Nossa Senhora de Fátima em Cajazeiras encerra festa neste sábado com mensagem de paz

ANTAGONISMO

Bolsonaro x Haddad: plano de privatização do ensino contra gestão que abriu 126 universidades, diz padre

VÍDEO & FOTOS

DIA DAS CRIANÇAS: Atividades e festa resgatam o prazer de brincar em alunos de escola de Cajazeiras

MORTO HÁ DOIS ANOS

VÍDEO: Filha conta detalhes do assassinato de comerciante sousense e se emociona: “Sou Damião Malvino”