header top bar

section content

Para líder do governo na Câmara, decreto de José Aldemir que suspende gratificações para avaliar salários é atitude séria que faltou na gestão passada: “Ruim é permanecer no erro” – VÍDEO!

Decreto estipula que gratificações devem ser aprovadas pelo gestor com critérios e justificativas, não podendo mais ser implantadas por secretários

Por Jocivan Pinheiro

24/06/2017 às 12h23

Após denúncias de que na folha de pagamento da Prefeitura de Cajazeiras havia funcionários comissionados recebendo ‘super salários’ – inclusive maiores do que os de alguns secretários -, o prefeito José Aldemir baixou um decreto que define critérios para concessão de gratificações a servidores.

O decreto estipula que todas as gratificações e vantagens terão de ser aprovadas pelo gestor, seguir critérios e ser justificadas, não podendo mais ser implantadas por secretários ou agentes públicos.

O vereador líder do governo na Câmara, Jucinério Félix (PPS), enalteceu a decisão do prefeito. Para ele, José Aldemir deu mais uma demonstração de que, ao contrário da gestão municipal passada, essa tem compromisso com a transparência e o zelo pelo dinheiro público.

“O prefeito José Aldemir tomou uma atitude séria, que foi esse decreto suspendendo todas as gratificações para ele analisar caso por caso e se tiver alguma coisa irregular, ele já disse que não vai continuar, e isso eu concordo porque foi no começo da gestão, não deixou que alguém ficasse recebendo salários indevidos por muito tempo”, declarou o parlamentar.

Jucinério lembrou que durante a gestão da prefeita Denise Oliveira, ele tentou várias vezes mobilizar outros vereadores para investigar denúncias de supostos ‘super salários’ na prefeitura, mas não teve força política para isso.

“Eu acho interessantíssimo o que o Tribunal de Contas está fazendo. Isso já era para ter sido há muito tempo, acabar com essas brincadeiras de salários altíssimos de gestões e que, muitas vezes, eu como vereador de oposição na gestão passada tentei descobrir e não conseguia. Quando eu pedi ao Tribunal de Contas e ele me mandou, já estava no final da gestão e não tive nem como fazer as denúncias.”

Jucinério completa: “Ruim é permanecer no erro. Mas se o erro é apontado numa gestão e urgentemente essa gestão toma providências, como o prefeito José Aldemir fez, ele tem o meu apoio nesse sentido.”

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

ESPECIAL DE PÁSCOA

VÍDEO: TVDS exibe programa ‘Mensagem de Fé com Frei João Batista’ em especial de Semana Santa

FÉ E DEVOÇÃO

Sexta-feira Santa em Cajazeiras é marcada por várias celebrações religiosas e grande número de fiéis

SAÚDE

VÍDEO: Xeque Mate fala sobre a obesidade e médica endocrinologista tira dúvidas sobre a doença; Veja!

SEMANA SANTA PARA OS EVANGÉLICOS

VÍDEO: Pastor fala sobre significado da Páscoa para os protestantes: “É o sacrifício e a libertação”