header top bar

section content

Tribunal de Contas do Estado aplica multa a ex-prefeito da região de Sousa e dá prazo de 30 dias para recolher o dinheiro

Segundo o TCE, o ex-prefeito tem o prazo de 30 dias, a partir da publicação da decisão, para o recolhimento voluntário à conta do Fundo de Fiscalização.

Por Luzia de Sousa

03/07/2017 às 20h09 • atualizado em 03/07/2017 às 17h14

TCE julga prefeituras (Foto: Assessoria)

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba divulgou nesta segunda-feira (3), um acórdão sobre Regularização de Vínculo Funcional do exercício de 2010, da cidade de Lastro, na região de Sousa.

+ 163 ANOS: Prefeito anuncia asfaltamento das entradas de Sousa, funcionamento da UPA 24 horas e volta de programas sociais; Tyrone também anuncia três atrações para a festa da cidade.

De acordo com acórdão, O TCE decidiu por unanimidade a aplicação de multa pessoal, no valor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), equivalente a 106,97 UFR-PB, ao ex-gestor do Município, Wilmeson Emmanuel Mendes Sarmento (PMDB).

Segundo o TCE, o ex-prefeito tem o prazo de 30 dias, a partir da publicação da decisão, para o recolhimento voluntário à conta do Fundo de Fiscalização Orçamentária e Financeira Municipal, sob pena de cobrança executiva.

O TCE ainda deu o mesmo prazo para que o atual Prefeito, Athaide Gonçalves Diniz (PSDB), encaminhe a Corte de Contas documentos hábeis a comprovar a regularidade das admissões dos servidores públicos, Francisco Damião Sarmento e Francisco Soares Filho, sob pena de aplicação de multa e outras cominações legais.

DIÁRIO DO SERTÃO

PROBLEMA GRAVE

VÍDEO: No Xeque-Mate, voluntários debatem sobre maus tratos e abandono de animais em Cajazeiras

SANTO PADROEIRO

VÍDEO: Padre anuncia programação da festa de Dom Bosco em Cajazeiras; festival de música é confirmado

FÓRUM AÇUDE GRANDE

VÍDEO: Grupo entrega documento no MP para fortalecer campanha de revitalização do açude de Cajazeiras

"FICOU DESPREZADA"

VÍDEO: Mulher acusa HRC de negligência no caso da morte de sua irmã após parto; hospital responde