header top bar

section content

André Gadelha lamenta expulsão de vendedores ambulantes do São João de Sousa: “O prefeito é o culpado”

A categoria esteve reunida essa semana com o prefeito, onde ficou decidido pela gestão que só será dado 15% das vendas.

Por Redação Diário

20/06/2018 às 11h35

O ex-prefeito de Sousa, André Gadelha (MDB) lamentou nesta quarta-feira (20), durante entrevista a TV Diário do Sertão a decisão do prefeito Fábio Tyrone (PSB) em não atender a solicitação dos vendedores ambulantes.

VEJA MAIS NOTÍCIAS DE SOUSA

A categoria esteve reunida essa semana com o prefeito, onde ficou decidido pela gestão que só será dado 15% das vendas aos ambulantes que estiverem no evento, no entanto eles não aceitaram a oferta.

“O carnaval e o São João sempre é uma verba extra para os barraqueiros, mas com essa decisão do prefeito, os ambulantes perdem sua caraterística e começam a serem vendedores do prefeito”, disse André.

Gadelha disse ainda, que o atual governo municipal, tem fechado as portas para o povo. Segundo ele, os barraqueiros têm que vender para eles e não para o prefeito. “Eles foram expulsos do gabinete do prefeito”. finalizou.

DIÁRIO DO SERTÃO

VÍDEO: Psicologia no Ar recebe diretores e psicóloga de organização que promove cidadania em Cajazeiras

NOVIDADES

Xeque-Mate visita lançamento do novo plano da Eletrosorte, que firmou parceria com gigante dos seguros

FUTEBOL DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Dirigentes e ex-jogadores relembram histórias marcantes do Duque de Caxias, que completou 50 anos

VÍDEO: Programa de rádio que é sucesso na região de Campina fecha parceria com emissora de Cajazeiras