header top bar

section content

TRE decide vida política de prefeito da região de Cajazeiras; Nova eleição já é cogitada na cidade

O relator do recurso é o desembargador João Alves da Silva.

Por

11/10/2014 às 14h35

Damísio será julgado nessa quarta-feira (15)

O Tribunal Regional Eleitoral (TER) da Paraíba incluiu na pauta dessa quarta-feira (15), o recurso eleitoral impetrado pelos advogados do prefeito de Triunfo, Damísio Mangueira (PMDB), que tenta reverter à decisão de 1º grau que cassou o mandato do gestor sertanejo deixando-o inelegível. O relator do recurso é o desembargador João Alves da Silva.

Damísio Mangueira teve o mandato cassado, juntamente com o vice-prefeito, José Alberto Feitosa (PSDB), no mês de maio, pelo juiz José Irlando Sobreira, da 37ª Zona Eleitoral, acusado de abuso do poder econômico e gasto ilícito de campanha nas eleições de 2012.

O prefeito se mantém no cargo através de liminar, em Ação Cautelar, que garantiu efeito suspensivo à decisão de primeira instância, pelo desembargador João Alves da Silva, vice-presidente TRE e confirmada em julho pelo colegiado.

O recurso deverá ser julgado na quarta-feira e já conta com parecer do Ministério Público Federal, através do procurador Rodolfo Alves, que se posicionou contrário ao recurso impetrado pelo prefeito, opinando pela manutenção da sentença e posse imediata do presidente da Câmara de vereadores, além de nova eleição.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Secretário de João Azevêdo defende aproximação de Dra Paula e Zé Aldemir ao Governo estadual

BRIGA NO CARNAVAL

VÍDEO: Autoridades policiais revelam que suspeitos do crime na Vila Nova em Cajazeiras alegaram vingança

SAÚDE

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe médico radiologista e tira dúvidas sobre os exames por imagem

CRISE NO PSB

VÍDEO: Nonato Bandeira evita dar resposta a Ricardo por determinação de João Azevêdo: “Estamos focado no trabalho”