header top bar

section content

VÍDEO: Preocupado com rachaduras, padre confirma inspeção no monumento do Cristo Redentor de Itaporanga

O sacerdote disse que além dos fiéis, ele aguarda também receber a contribuição do poder público, visto que o Cristo Rei faz parte do turismo municipal e estadual

Por Luiz Adriano

28/01/2022 às 19h52 • atualizado em 28/01/2022 às 20h00

O padre Rodolfo Cavalcante, administrador da Paróquia Nossa Senhora da Conceição na cidade de Itaporanga, no Vale do Piancó, falou ao programa Olho Vivo desta sexta-feira (28) e relatou como está o andamento para tentar resolver os problemas das rachaduras na estátua do Cristo Rei, monumento que além de religioso, é um ponto turístico de nível municipal e estadual.

Ele disse que desde o início de janeiro que entrou em contato com o arquiteto que fez toda a arte do monumento, o dr. Alexander Azedo, para ver quais medidas poderiam ser tomadas. O sacerdote explicou que dr. Alexandre pediu fotografias e relatou que é necessário fazer uma análise com um engenheiro que acompanhou toda a obra.

VEJA TAMBÉM

VÍDEO: Morador alerta para rachaduras no Cristo Rei de Itaporanga e cobra providências das autoridades

Monumento do Cristo Rei, em Itaporanga. (Foto: divulgação).

Segundo o padre, na próxima semana o arquiteto irá até Itaporanga com uma equipe de profissionais e fará uma inspeção in loco para a partir daí tomar as medidas necessárias.

“A análise que vamos realizar é exatamente para ver a gravidade dessas escoriações, dessas rachaduras, para a partir de então ver exatamente os projetos que precisamos encaminhar para que com urgência a gente possa corrigir, enfim dar uma restaurada em toda imagem do Cristo Rei”, explicou.

Por se tratar de um equipamento que além de religioso, faz parte do calendário a nível tanto municipal quanto estadual, o padre espera receber ajuda tanto da sociedade católica, bem como do poder público para restaurar a estátua.

O MONUMENTO

O Cristo Rei de Itaporanga fica no topo da Serra do Cantinho e tem altura de aproximadamente 30 metros. Foi construído pelo arquiteto Alexandre Azedo de Lacerda, entre os anos de 1985 e 2000, a pedido do padre José Sinfrônio de Assis Filho. O monumento é uma das oito maravilhas do Estado da Paraíba.

Todos os anos, durante a Romaria Diocesana do Cristo Rei, centenas de fiéis católicos peregrinam da Igreja Matriz, no centro da cidade, até o monumento, aonde acontece a celebração eucarística presidida pelo bispo da Diocese de Cajazeiras e concelebrada por vários sacerdotes da região.

DIÁRIO DO SERTÃO

TRISTEZA

VÍDEO: Atos fúnebres dos PRFs assassinados em Fortaleza é marcado por homenagens e muita comoção

SITUAÇÃO DIFÍCIL

VÍDEO: Portador de doença rara que mora em sítio de Cajazeiras fala sobre dificuldades para tratamento

COMUNICADO

VÍDEO: CDL de Cajazeiras confirma fechamento do comércio no Dia do Comerciário; Sousa funciona normal

LUTO

VÍDEO: Cajazeirense de 16 anos perde luta contra tumor na cabeça e morre em hospital de João Pessoa

Recomendado pelo Google: