header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Estresse, ansiedade, dor na garganta e muitos arrotos podem ser sintomas de gastrite nervosa

Apesar de nem sempre estarem presentes simultaneamente, os sintomas de gastrite nervosa pioram na hora das refeições durante os períodos de crise da doença.

Por Tua Saúde

16/05/2018 às 09h13

Gastrite Nervosa e seus sintomas

Os sintomas de gastrite nervosa podem aparecer em qualquer momento do dia e os primeiros a surgir costumam ser queimação na garganta, como uma bola de fogo que sobe e desce, enjoos e indisposição para comer, acompanhada de muitos arrotos.

Esses sinais normalmente se manifestam principalmente em situações de estresse, ansiedade, tensão ou irritação, como durante a preparação para provas ou reuniões importantes no trabalho.

Assim, deve-se estar atento ao aparecimento de:

Dor no estômago ou na área abdominal com sensação de pontadas ou agulhadas;
Azia;
Dificuldade de digestão;
Perda do apetite;
Enjoo e vômito;
Gases frequentes e arrotos;
Saciedade antes mesmo de terminar a refeição?.
Apesar de nem sempre estarem presentes simultaneamente, os sintomas de gastrite nervosa pioram na hora das refeições durante os períodos de crise da doença.

Como aliviar os sintomas
O primeiro passo para alivias os sintomas da gastrite nervosa é usar estratégias para diminuir o estresse e a ansiedade, como fazer aulas de ioga para aprender a controlar a mente e a respiração, fazer alongamentos no meio do dia para relaxar o corpo e, se necessário, ter acompanhamento com um psicoterapeuta. Veja outras 7 dicas para controlar a ansiedade.

Além disso, o tratamento também pode incluir:

Dieta
Ter uma alimentação saudável ajuda a reduzir a produção de acidez no estômago, aliviando os sintomas de dor e queimação. Para isso, deve-se evitar o consumo de alimentos ricos em gordura, pois eles passam tempo no estômago, como carnes vermelhas, salsicha, linguiça, bacon, leite integral, fast food, comida pronta congelada e biscoitos recheados.

Para diminuir a produção de gases, é importante evitar o consumo de alimentos como bebidas gaseificadas, feijão, repolho, milho, ervilha, brócolis, couve-flor e ovo. Veja como deve ser a dieta para gastrite.

Atividade Física
Praticar atividade física regularmente é importante para melhorar a digestão, diminuir o estresse e a ansiedade e aumentar a produção de hormônios que dão a sensação de prazer e bem estar, ajudando a aliviar os sintomas da doença.

Tratamento Natural
Algumas plantas medicinais podem ser usadas como tratamento natural para a gastrite nervosa, ajudando a aliviar os sintomas da doença. Para isso, pode-se utilizar a hortelã-pimenta e o gengibre para aliviar náuseas e vômitos e comprimidos de carvão vegetal para diminuir a produção de gases intestinais.

Fonte: https://www.tuasaude.com/sintomas-de-gastrite-nervosa/

ASSISTA

VÍDEO: ‘Mensagem de Esperança’ debate o mundo e o mal, sexo e outros temas

PARTICIPE!

VÍDEO: Gerente do Sebrae fala de revolução tecnológica em feira de Cajazeiras e convida empreendedores

PLANOS E METAS

VÍDEO: Cantor explica como pretende administrar o Atlético e declara que o problema do clube é político

CAMPEONATO PARAIBANO 2019

VÍDEO: Após vistoria técnica, representantes da CBF elogiam o estádio Perpetão: “É um dos melhores”