header top bar

section content

Com saúde de ‘ferro’, Mulher considerada mais velha do Sertão faz aniversário e recebe homenagens

Apesar da idade bem elevada, a curralvelhense come o que quer, nunca fez dieta, não aceita muita ajuda para as atividades do dia-a-dia e pouco se medica.

Por Luzia de Sousa

25/04/2016 às 07h46 • atualizado em 25/04/2016 às 08h02

!07anos_idosa

O aniversário de 107 anos de vida de Maria Pereira (Nanoca) foi comemorado nesse sábado (23). Natural de Curral Velho, no Sertão da Paraíba, ela é considerada a mulher mais velha do Vale do Piancó. A lucidez e a vitalidade de Nanoca fizeram com que conferíssemos na identidade a data de seu nascimento. Estava lá: vinte e três de abril de 1909.

Devota de Santo Expedito, Nanoca se orgulha de sempre ter sido uma mulher que lutou pela sobrevivência no Sertão paraibano, em meio a tanta dificuldade. “Ela pegava na enxada na lida diária, sempre foi agricultora”, comenta o neto, José Ricardo Pereira.

Apesar da idade bem elevada, a curralvelhense come o que quer, nunca fez dieta, não aceita muita ajuda para as atividades do dia-a-dia e pouco se medica.

Nanoca teve 5 filhos, de onde saíram dezenas de netos, bisnetos e tataranetos. Anualmente seus netos comemoram seu aniversário como se fosse de uma criança.

DIÁRIO DO SERTÃO com Diamante Online

OS CIRENEUS DO CAMINHO

VÍDEO: Programa Mensagem de Esperança reflete sobre imunização espiritual e como lidar com adversários

'MENSAGEM DE FÉ'

VÍDEO: Padre apresenta programa especial na TV sobre a tradicional Festa de Dom Bosco em Cajazeiras

'OPINIÃO DO CIDADÃO'

VÍDEO: Em Cajazeiras, presidente da OAB-PB diz ser contra posse de arma: “Índices de mortes aumentam”

PROPRIEDADES EMBARGADAS

VÍDEO: Impedidos de plantar, agricultores de Cajazeiras acusam IBAMA de excessos na aplicação de multas