header top bar

section content

VÍDEO: ortodontista sousense alerta foliões sobre os riscos da “Doença do Beijo” durante o carnaval

Felipe Vieira falou sobre a mononucleose infecciosa, mais conhecida como “A doença do beijo”

Por Campelo Sousa

24/02/2020 às 10h49


O ortodontista sousense Felipe Vieira em seu comentário no Direto ao Ponto nesta semana de Carnaval, respondeu a uma das perguntas enviadas pelos internautas sobre as doenças que podem ser adquiridas durante as festividades carnavalescas.

O especialista falou sobre a mononucleose infecciosa, mais conhecida como “A doença do beijo”, que é transmitida pela saliva, e pode provocar manchas na boca, dor na garganta, placas brancas na boca, entre outros sintomas.

E tem mais! Felipe Vieira falou também que além da Doença do Beijo, existe também a candidíase oral que pode ser transmitida pelo beijo e contato íntimo sem proteção e a sífilis que é transmitida também de contato íntimo.

Todo cuidado é pouco com a Doença do Beijo

No carnaval, use camisinha e previna-se
As camisinhas masculina e feminina podem ser retiradas gratuitamente nos postos de saúde de todo o país.

Folião: álcool e direção não combinam
Aproveite a festa com responsabilidade e cuidado com exageros, como o uso de álcool. A combinação álcool e direção não combina e pode ser fatal. Se beber, não dirija.
DIÁRIO DO SERTÃO

PARABÉNS

VÍDEO: Reitor da UFCG, Antônio Fernandes é o melhor educador em 2021, aponta pesquisa Os Melhores do Ano

PARABÉNS

VÍDEO: Pesquisa Os Melhores do Ano aponta o Cartório Antônio Holanda como o melhor de Cajazeiras em 2021

PARABÉNS

VÍDEO: Madeireira Piranhense é eleita como a melhor de Cajazeiras conforme pesquisa Os Melhores do Ano

PARABÉNS

VÍDEO: Chefe do Procon de Cajazeiras é eleito destaque do setor público pela pesquisa Os Melhores do Ano

Recomendado pelo Google: