header top bar

section content

Advogado revela que empresário de Cajazeiras fez doação milionária a político e comprovante foi apreendido na Operação Andaime. OUÇA ÁUDIO!

Segundo ele, o empreiteiro Justino disse em um dos seus depoimentos todos os processos de licitação até o momento que ele estava atuando foram fraudados.

Por Luzia de Sousa

20/05/2016 às 10h37 • atualizado em 20/05/2016 às 10h38

Adjamilton Pereira elogia Júnior Araújo durante entrevista em rádio de Cajazeiras

Em entrevista à imprensa de Cajazeiras nesta sexta-feira (20), o blogueiro e advogado Adjamilton Pereira revelou que o empreiteiro Francisco Justino disse em um dos seus depoimentos a Justiça, dentro das investigações da Operação Andaime que todos os processos de licitação até o momento que ele estava atuando foram fraudados.

“Justino disse em um determinado depoimento dele que aqui em Cajazeiras até onde ele atuando todos os processos de licitação foram viciados”, declarou o advogado.

VEJA MAIS

Procurador pede afastamento de secretário e mais sete servidores da prefeitura de CZ citados na Andaime

?MPF denuncia mais três empresários nas investigações da Operação Andaime; Eles são acusados de integrar organização criminosa com em Cajazeiras. Acompanhe!

?Matéria do Fantástico sobre a Operação Andaime esquentou o clima na Câmara de Cajazeiras

?Fantástico da Rede Globo volta a destacar escândalo Andaime e avisa: Estamos de olho

Adjamilton continuou sua entrevista falando da operação deflagrada em vários municípios da região e fez outra revelação que deixou a população surpresa.

Segundo ele, 1% do que está sendo investigado é que a população tem conhecimento, mas os 99% são ainda mais grave do que os fatos divulgado até o momento nas investigações da Andaime.

O blogueiro publicizou que um político, que concorreu a campanha federal recebeu uma doação de meio milhão de reais. “Um político federal com atuação aqui na nossa região”, revelou Adjamilton.

Ele explicou que a suposta ‘doação’ ao político ocorreu por parte de um empresário de Cajazeiras, mas o comprovante foi apreendido em uma das empresas investigadas na Operação Andaime, o que para ele pode haver indícios de acordo entre as investigadas.

“O comprovante de doação estava em um escritório de uma dessas empresas quando foi apreendido”, informou o advogado

Ouça áudio da Rádio Arapuan FM!

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

FICOU PRESO ÀS FERRAGENS

PRF conta detalhes do acidente que vitimou vendedor da Região de Cajazeiras e deixou mulher ferida

VÍDEO

Aliado do governador bate de frente com presidente da CDL e garante funcionamento do IPC em Cajazeiras

NOVOS RUMOS

VÍDEO: Em Patos, assembleia da Paraíba debate sustentabilidade e desenvolvimento regional no Sertão

SUCESSO

VÍDEO: Mensagem Empresarial mostra história de um dos maiores empresários e empreendedores de Cajazeiras