header top bar

section content

Advogado revela que empresário de Cajazeiras fez doação milionária a político e comprovante foi apreendido na Operação Andaime. OUÇA ÁUDIO!

Segundo ele, o empreiteiro Justino disse em um dos seus depoimentos todos os processos de licitação até o momento que ele estava atuando foram fraudados.

Por Luzia de Sousa

20/05/2016 às 10h37 • atualizado em 20/05/2016 às 10h38

Adjamilton Pereira elogia Júnior Araújo durante entrevista em rádio de Cajazeiras

Em entrevista à imprensa de Cajazeiras nesta sexta-feira (20), o blogueiro e advogado Adjamilton Pereira revelou que o empreiteiro Francisco Justino disse em um dos seus depoimentos a Justiça, dentro das investigações da Operação Andaime que todos os processos de licitação até o momento que ele estava atuando foram fraudados.

“Justino disse em um determinado depoimento dele que aqui em Cajazeiras até onde ele atuando todos os processos de licitação foram viciados”, declarou o advogado.

VEJA MAIS

Procurador pede afastamento de secretário e mais sete servidores da prefeitura de CZ citados na Andaime

?MPF denuncia mais três empresários nas investigações da Operação Andaime; Eles são acusados de integrar organização criminosa com em Cajazeiras. Acompanhe!

?Matéria do Fantástico sobre a Operação Andaime esquentou o clima na Câmara de Cajazeiras

?Fantástico da Rede Globo volta a destacar escândalo Andaime e avisa: Estamos de olho

Adjamilton continuou sua entrevista falando da operação deflagrada em vários municípios da região e fez outra revelação que deixou a população surpresa.

Segundo ele, 1% do que está sendo investigado é que a população tem conhecimento, mas os 99% são ainda mais grave do que os fatos divulgado até o momento nas investigações da Andaime.

O blogueiro publicizou que um político, que concorreu a campanha federal recebeu uma doação de meio milhão de reais. “Um político federal com atuação aqui na nossa região”, revelou Adjamilton.

Ele explicou que a suposta ‘doação’ ao político ocorreu por parte de um empresário de Cajazeiras, mas o comprovante foi apreendido em uma das empresas investigadas na Operação Andaime, o que para ele pode haver indícios de acordo entre as investigadas.

“O comprovante de doação estava em um escritório de uma dessas empresas quando foi apreendido”, informou o advogado

Ouça áudio da Rádio Arapuan FM!

DIÁRIO DO SERTÃO

COM OLIVAN PEREIRA

VÍDEO: Exoneração do sobrinho de Rivelino Martins e nomeação de Maura Sobreira agitam o Direto ao Ponto

CONTRA A LIBERAÇÃO

VÍDEO: Comandante da PM de Cajazeiras vê risco de aumentar crimes domésticos e fúteis com posse de arma

EM 2020

VÍDEO: Deputado federal sugere que Chico Mendes pode ser candidato a prefeito de Cajazeiras pelo PTB

UNA FREVO 2019

VÍDEO: Com 16 atrações, destaques nacionais e percurso do frevo, carnaval da cidade de Uiraúna é lançado