header top bar

section content

VÍDEO: Vizinhos teriam ouvido uma discussão antes de mulher ser assassinada a tiros em Itaporanga

O Major Douglas, comandante da Polícia Militar em Itaporanga explicou que o crime aconteceu por volta das 10h na casa da vítima.

Por Luzia de Sousa

26/01/2018 às 16h35

A reportagem da TV Paraíba dessa quinta-feira (25) revelou que vizinhos ouviram uma discussão e logo depois o barulho de tiros da residência da Assistente Social, Jaqueline Fabrícia Araújo, de 30 anos, que morava na cidade de Itaporanga, Sertão do Estado. Ela foi ferida a tiros, foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos. O esposo dela, um subtenente da Polícia Militar é suspeito do crime.

+ Policial militar é suspeito de matar esposa dentro de casa no Sertão

Entenda
O Major Douglas, comandante da Polícia Militar em Itaporanga explicou que o crime aconteceu por volta das 10h na casa da vítima. “A gente foi surpreendido pela manhã com essa tragédia familiar. Pelo que ficamos sabendo, o casal estava discutindo, quando o policial sacou a arma e atirou duas vezes dentro da casa. Um dos tiros atingiu a mulher”, disse o comandante.

Assistente Social (Foto: Diamante Online)

Depois de ser ferida, a vítima foi socorrida e levada para um hospital na cidade. Mas, por causa da gravidade do ferimento os médicos decidiram transferir ela para o Hospital Regional de Patos, porem, ela não resistiu e morreu no caminho.

O comandante do batalhão acredita que o subtenente suspeito fugiu em uma moto. “A gente está em diligências em busca dele. Ele levou arma e provavelmente está em uma moto”, disse o Major Douglas.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

ELEIÇÕES 2020

VÍDEO: Paula revela quem ela e Zé Aldemir apoiarão nas eleições das cidades de Uiraúna e Santa Helena

EXPLICAÇÕES

VÍDEO: Governador diz que falta de legista no fim de semana no IPC de Cajazeiras está sendo resolvida

CARNE OU OVO?

VÍDEO: após o aumento do preço da carne, consumo de ovos dispara na cidade de Sousa

PSB RACHADO

VÍDEO: Jeová diz que não apoia Denise como candidata a prefeita: “Ela se colocou como minha adversária”