header top bar

section content

Homens são presos após desordem em festa de casamento e resistência à prisão, na região de Cajazeiras

Segundo a PM, os homens estavam subtraindo bebidas da festa e ao ser abordado pelos organizadores, se iniciou um confusão generalizada

Por Luiz Adriano

26/12/2021 às 12h07 • atualizado em 26/12/2021 às 12h12

(Imagem ilustrativa).

Três homens foram presos na noite deste sábado (25) durante uma festa de casamento que estava sendo realizada no bairro Jardim das Neves, em Bonito de Santa Fé, na região de Cajazeiras. Segundo informações da Polícia Militar, era por volta das 21h30 quando a guarnição realizava rondas pela PB-400 e se deparou com um tumulto envolvendo pessoas que participavam do evento.

Conforme a PM, ao chegar no local tomou conhecimento de que a confusão teve início após três indivíduos estarem subtraindo bebidas da festa. Duas mulheres que apresentavam hematomas e sangramento em várias partes do corpo, informaram à PM que os organizadores tentaram impedir o delito, sendo iniciada uma discussão generalizada, onde elas teriam sido agredidas com socos e pontapés pelos suspeitos.

VEJA TAMBÉM

Roubo à residência é registrado em Cajazeiras e PM prende assaltante e recupera objetos roubados

Após tomarem conhecimento do fato, os policias tentaram controlar a discussão e convidaram os suspeitos, os quais apresentavam fortes sintomas de embriaguez, para os acompanharem até a delegacia plantonista, no entanto eles se negaram e não aceitaram serem admoestados por parte da guarnição, e partiram para cima dos PMs com agressões, chegando ao ponto de acertarem dois socos em dois policiais, além de desferir vários chutes contra outro soldado.

Segundo a polícia, diante do ocorrido foi necessário o uso moderado da força para conter os acusados que após estarem controlados, começaram a proferir palavras de baixo calão em desfavor dos integrantes da guarnição, sendo necessário o uso de algemas para a segurança, tanto da PM quanto dos próprios conduzidos que estavam bastante agressivos.

Eles foram conduzidos até a delegacia de Polícia Civil de Cajazeiras e poderão responder por lesão corporal, desordem, desacato à autoridade e resistência à prisão.

DIÁRIO DO SERTÃO

NOVA GESTÃO

VÍDEO: Gerente regional de educação destaca projetos em funcionamento em escolas da região de Cajazeiras

LUTO

VÍDEO: Duas mortes durante o fim de semana na cidade de Itaporanga causam comoção no Vale do Piancó

ELEIÇÕES 2022

VÍDEO: “Aceito esta realidade com a cabeça erguida”, diz Doria ao desistir de pré-candidatura

ROMPIDOS

VÍDEO: João Azevêdo diz que Efraim decidiu pelo seu próprio caminho: “Não posso escolher por ninguém”

Recomendado pelo Google: