header top bar

section content

Homem é achado morto com perfurações de balas pelo corpo próximo ao lixão em São João do Rio do Peixe

Conforme a perícia, a vítima sofreu vários disparos de arma de fogo, atingido cabeça, tórax e abdômen

Por Luiz Adriano

16/01/2022 às 21h22 • atualizado em 17/01/2022 às 08h26

O homem foi achado morto com perfurações de tiros pelo corpo. (Foto: reprodução/redes sociais).

Um homem foi achado morto na tarde deste domingo (16) no sítio Olho D’água, próximo ao lixão, na zona rural do município de São João do Rio do Peixe, na região de Cajazeiras. Segundo a Polícia Militar, a vítima estava caída ao lado da moto a qual pilotava e havia perfurações de bala pelo corpo. Conforme a perícia, ele sofreu vários disparos de arma de fogo, atingido cabeça, tórax e abdômen.

De acordo com dados da polícia, o indivíduo era conhecido no meio policial por envolvimento no mundo do crime. Ele era ex-presidiário com passagens pela cadeia pública de São João do Rio do Peixe e pelo presídio de Cajazeiras. Identificado como Anderson Leandro Victor Dantas, de 30 anos, o homem era residente no distrito de Várzea da Ema, município de Santa Helena.

VEJA TAMBÉM

Homem sofre tentativa de homicídio no Vale do Piancó enquanto se divertia em área de lazer

O SAMU compareceu, mas apenas constatou o óbito da vítima. A Polícia Militar foi acionada e isolou o local até a chegada dos peritos. O corpo foi conduzido ao Instituto de Perícia Científica (IPC) de Cajazeiras para realização de exames cadavéricos.

Quanto à motivação do crime nada se sabe ainda. O caso poderá ser investigado.

DIÁRIO DO SERTÃO

TRISTEZA

VÍDEO: Atos fúnebres dos PRFs assassinados em Fortaleza é marcado por homenagens e muita comoção

SITUAÇÃO DIFÍCIL

VÍDEO: Portador de doença rara que mora em sítio de Cajazeiras fala sobre dificuldades para tratamento

COMUNICADO

VÍDEO: CDL de Cajazeiras confirma fechamento do comércio no Dia do Comerciário; Sousa funciona normal

LUTO

VÍDEO: Cajazeirense de 16 anos perde luta contra tumor na cabeça e morre em hospital de João Pessoa

Recomendado pelo Google: