header top bar

section content

TCE aprova de voto de pesar pelo falecimento de filho de advogado sousense; Suplente de senador Deca e senador Lira lamentam morte

O velório de Léo Johnson acontecerá no Parque das Acácias e o sepultamento está marcado para esta quinta-feira (15), às 10h no mesmo local.

Por Luzia de Sousa

14/06/2017 às 15h26 • atualizado em 14/06/2017 às 15h27

Senador Raimundo Lira emitiu votos de pesar a toda família

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba aprovou, à unanimidade, durante sessão plenária desta quarta-feira (14), Voto de Pesar pelo falecimento precoce do advogado Leonardo Johnson, aos 38 anos.

+ LAMENTÁVEL: Filho de advogado sousense não resiste e morre em hospital de João Pessoa; velório e sepultamento serão nesta quinta-feira

Por meio do seu presidente, o conselheiro André Carlo Torres Pontes, o TCE-PB manifestou o mais profundo pesar e solidariedade à família do advogado Johnson Abrantes pela perda do seu filho Léo Johnson, que morreu na manhã desta quarta-feira, no Hospital Nossa Senhora das Neves, em João Pessoa, em decorrência de falência múltipla dos órgãos.

O velório de Léo Johnson acontecerá no Parque das Acácias e o sepultamento está marcado para esta quinta-feira (15), às 10h no mesmo local.

Lira
O Senador Raimundo Lira vem a público lamentar, com profundo pesar, a morte prematura do seu Assessor e Advogado Leonard Johnson, ocorrida no final da manhã desta quarta-feira (14) em João Pessoa.

Segundo Lira, o Advogado Leo Johnson, filho do também renomado Advogado Johnson Abrantes, era um excelente profissional e sua ausência deixará saudades em todos os que com ele conviveram.

Ao tempo em que manifesta as mais sinceras condolências à família enlutada, registra a sincera e proveitosa relação profissional e pessoal que mantinha com Leo, de quem era Padrinho de Crisma, e deseja que Deus o acolha na Vida Eterna.

“Aproveito para apresentar a minha solidariedade e de minha família aos seus pais Johnson e Fátima, aos seus irmãos Eduardo e Isabelle, à sua esposa Cintia e aos seus dois filhos, Leozinho e Bárbara”, finalizou Raimundo Lira.

Deca
O suplente de senador e empresário José Gonzaga Sobrinho (Deca) lamentou a morte precoce e súbita de Léo Johnson, ex-assessor do senador Raimundo Lira. Pelas redes sociais, o empresário – que está em viagem fora do País – expressou seu pesar pela perda da família Johnson:
“Não estamos preparados para a tragédia. Ela invade nossas vidas e nos enche de tristeza – sentimento que domina nossa família, e toda a Paraíba, com a perda prematura e súbita de Léo Johnson”, diz Deca, que complementa:
“Deus, em sua infinita misericórdia, console a querida família Johnson neste momento de tanta dor”.
Veja, abaixo, a nota:

Nota de pesar
Não estamos preparados para a tragédia. Ela invade nossas vidas e nos enche de tristeza – sentimento que domina nossa família, e toda a Paraíba, com a perda prematura e súbita de Léo Johnson.
Deus, em sua infinita misericórdia, console a querida família Johnson neste momento de tanta dor.
Estes são nossos votos.
José Gonzaga Sobrinho (Deca do Atacadão) e família.

DIÁRIO DO SERTÃO com assessorias

SAÚDE E BEM-ESTAR

VÍDEO: Sangramento nas regiões do reto e do ânus pode ser sinal de doença grave, avisa médico

APOIO DE CRAQUE

VÍDEO: Embaixador do Campeonato Paraibano, Hulk diz que está à disposição para ajudar clubes do Sertão

COMISSÃO DE DIREITOS HUMANOS

VÍDEO: Para advogado da OAB de Cajazeiras, investir em presídios e não em escolas é ‘enxugar gelo’

VÍDEO

Jovem jornalista estreia programa na TV e conta tudo sobre o Atlético de Cajazeiras no Paraibano 2019