header top bar

section content

Filha de ex-candidata de Santa Helena chora ao relembrar da mãe e conta como foi último encontro com ela

“Via de perto como era aquela possessão. Muitas vezes não chegava a uma tragédia por minha causa”. Contou a jovem emocionada.

Por Luzia de Sousa

21/11/2018 às 07h13 • atualizado em 21/11/2018 às 08h06

No dia que seria o aniversário da mãe, a jovem Joanny Laíssa chorou durante participação ao vivo do programa Xeque Mate da TV Diário do Sertão.

VEJA MAIS!

+ Dor e muita comoção marcam último adeus a ex-candidata a vereadora assassinada no Estado de São Paulo

Família fala sobre morte da ex-candidata a vereadora de Santa Helena; prefeito decreta ponto facultativo

+ VÍDEO: Assassinato de ex-candidata a vereadora da Região de Cajazeiras é destaque em programa de TV

Nessa segunda-feira (19), a ex-candidata a vereadora da cidade de Santa Helena, Sertão da Paraíba, Francilânia Ribeiro (Laninha), completaria 42 anos. Ela foi assassinada na cidade de São Paulo no começo deste mês e o esposo é suspeito do crime.

A filha de Laninha se emocionou várias ao falar da mãe e relembrou a data do aniversário do ano passado. “Ano passado a gente tava comemorando juntas, rindo, como ela gostava”.

Jovem fala do assassinato da mãe, Laninha (Foto reprodução do vídeo)

Chorando, Joanny pediu Justiça para o caso da mãe e contou como foi a última vez que esteve com ela: “Ela disse que ia demorar vir e me deu vários conselhos”.

A jovem confidenciou que presenciava a violência do padrasto com a mãe. “Via de perto como era aquela possessão. Muitas vezes não chegava a uma tragédia por minha causa”.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

VIOLÊNCIA SEM PARAR

VÍDEO: Jovem é morto com vários tiros e mulher fica ferida após ser vítima de bala perdida em Cajazeiras

TRAGÉDIA

VÍDEO: Comandante da PM lamenta morte de vereador e diz que assassinos são conhecidos no crime

VÍDEO

Padre convoca população para manifesto pelo Parque de Exposições na visita do governador a Cajazeiras

VÍDEO

Jornalista ‘aposta’ em união de João Azevêdo e Cartaxo para derrotar Ricardo Coutinho em JP